Band Saracens perde fora de casa na estreia do Paulista A / Band Saracens falls short against SPAC

O Band Saracens fez sua estreia no Paulista A nesse sábado, enfrentando o SPAC no principal palco do Rugby brasileiro, na zona sul de São Paulo, diante de sua torcida que compareceu em peso para apoiar o clube no início da temporada 2017. Mesmo com a derrota por apenas um ponto, a equipe saiu de cabeça erguida pela demonstração de raça e a evolução registrada em tão pouco tempo, e deu a certeza que vai crescer ainda mais nas próximas rodadas. Rodolfo Ambrósio e Jake Mangin, treinadores da seleção brasileira, também foram conferir de perto a partida, um dos maiores clássicos do Rugby nacional.

Apesar de sair atrás no marcador, o Sarries não desanimou e se manteve em seu plano de jogo, avançando principalmente com os forwards, que se mostraram dominantes desde as primeiras disputas fixas. O empate veio com Eric Iglesias por meio de penal frontal aos postes, e a virada não tardou, após Gabriel Lobo finalizar uma série de fases após bela corrida de Devon Muller pela direita, abrindo espaço na defesa alviceleste. O SPAC não se deteve e buscou o jogo aberto, colocando velocidade na sua linha e explorando os espaços na defesa, chegando ao empate nos minutos finais da etapa inicial. Mas ainda haveria tempo para a virada bandeirantina, que empurrou o scrum adversário até seu ingoal por três vezes, conquistando um penal try.
 
O equilíbrio se manteve na etapa final, com destaque para a defesa do Band que suportou grande pressão mesmo com a ausência do pilar Wilton, que recebeu cartão amarelo. Ainda assim, a equipe voltou a ficar em desvantagem no placar após novo try do SPAC, forçando o Saracens a se lançar ao ataque em busca da vitória mais uma vez, com a partida se encaminhando para os momentos finais. Com muita pressão no jogo de base, o clube chegou ao seu terceiro try na partida, mas a conversão decisiva acabou passando rente aos postes, decretando a vitória do time da casa.
 
 
No próximo sábado, o Band vai até Jacareí, enfrentar o clube local, que venceu o Rio Branco na estreia por 63 a 14.
 
 
Placar final: SPAC (13) 23 X 22 (17) Band Saracens
 
SPAC
Tries: André Luiz, Tato Bergo
Conversões: Lucas Tranquez “Zé” (2)
Penais: Lucas Tranquez “Zé” (3)
 
Cartão Amarelo: Marlon Bombi
 
 
Band Saracens
Tries: Gabriel Lobo, penal Try, Gabriel Barba
Conversões: Eric Iglesias
Penais: Eric Iglesias
 
Cartão Amarelo: Wilton Rebolo “Nelson”
 
 
Foto: Daniel Venturole

Band Saracens: 1- Jonatas Paulo, 2 Bruno Gil, 3 Wilton Rebolo, 4 Yuri Horalek, 5 João Carozi, 6 Gabriel Lobo, 7 Devon Muller, 8 Gabriel Paganini, 9 Diogo Raucci, 10 Valter Sugarava, 11 Leandro Caetano, 12 Luccas Adib, 13 Eric Iglesias, 14 José Roberto Pedrosa, 15 Pablo Hernandez

16 – Gudemberg Cerqueira, 17 – Marton Andrade, 18 – Luís Eduardo Santos, 19 – Michel Gouveia, 20 – Leonardo Monteiro, 21 Bruno Sabino, 22 Lorenzo Pellegrino, 23 Matheus Marinho
Técnicos: Guilherme Marques, Gabriel Clauzet e Ramiro Mina

Band Saracens made its debut on Paulista A championship this saturday against SPAC, with a good crowd painting the stands red to watch the closest game from the opening round of the state tournament. The home team drew first blood, with a precise kick from Lucas Tranquez, but the Sarries got ahead on the score board with a penalty kick from Eric Iglesias and a try from Gabriel Lobo, picking up from a great run by Devon Muller on the right side of the field.

SPAC tied the game minutes later with a Andre Luiz, and the teams took turns with the ball possession, but the good defensive work from both sides made hard for them to score more tries. On the last minute of the first half, the Sarries showed why their scrum is the most feared in the country and pushed SPAC’s formation for three times in a row on the 5m before having a penalty try awarded by the referee.

The match kept leveled in the second half, but the excessive penalties from Band put SPAC back in the lead. Band kept attacking looking for spaces on the field, and in the last minutes scored the third try of the day, with Gabriel Barba, but the missed conversion was the last chance to win.

Band Saracens will play Jacarei, who beat Rio Branco 63-14 next Saturday.